quarta-feira, 2 de agosto de 2017

"Olhares do Brasil": Alter do Chão e Óbidos-PA!

s no oeste paraense fica completo com a visita a um dos balneários mais importantes do Estado. A cerca de 35 quilômetros de Santarém, pela Rodovia PA-457, está Alter do Chão (foto). O bucolismo da vila onde está uma das praias mais famosas do Pará causa, de imediato, a sensação de bem-estar no visitante. FOTO: SIDNEY OLIVEIRA / AG. PARÁs no oeste paraense fica completo com a visita a um dos balneários mais importantes do Estado. A cerca de 35 quilômetros de Santarém, pela Rodovia PA-457, está Alter do Chão (foto). O bucolismo da vila onde está uma das praias mais famosas do Pará causa, de imediato, a sensação de bem-estar no visitante. FOTO: SIDNEY OLIVEIRA / AG. PARÁs no oeste paraense fica completo com a visita a um dos balneários mais importantes do Estado. A cerca de 35 quilômetros de Santarém, pela Rodovia PA-457, está Alter do Chão (foto). O bucolismo da vila onde está uma das praias mais famosas do Pará causa, de imediato, a sensação de bem-estar no visitante. FOTO: SIDNEY OLIVEIRA / AG. PARÁs no oeste paraense fica completo com a visita a um dos balneários mais importantes do Estado. A cerca de 35 quilômetros de Santarém, pela Rodovia PA-457, está Alter do Chão (foto). O bucolismo da vila onde está uma das praias mais famosas do Pará causa, de imediato, a sensação de bem-estar no visitante. FOTO: SIDNEY OLIVEIRA / AG. PARÁs no oeste paraense fica completo com a visita a um dos balneários mais importantes do Estado. A cerca de 35 quilômetros de Santarém, pela Rodovia PA-457, está Alter do Chão (foto). O bucolismo da vila onde está uma das praias mais famosas do Pará causa, de imediato, a sensação de bem-estar no visitante. FOTO: SIDNEY OLIVEIRA / AG. PARÁs no oeste paraense fica completo com a visita a um dos balneários mais importantes do Estado. A cerca de 35 quilômetros de Santarém, pela Rodovia PA-457, está Alter do Chão (foto). O bucolismo da vila onde está uma das praias mais famosas do Pará causa, de imediato, a sensação de bem-estar no visitante. FOTO: SIDNEY OLIVEIRA / AG. PARÁs no oeste paraense fica completo com a visita a um dos balneários mais importantes do Estado. A cerca de 35 quilômetros de Santarém, pela Rodovia PA-457, está Alter do Chão (foto). O bucolismo da vila onde está uma das praias mais famosas do Pará causa, de imediato, a sensação de bem-estar no visitante. FOTO: SIDNEY OLIVEIRA / AG. PARÁs no oeste paraense fica completo com a visita a um dos balneários mais importantes do Estado. A cerca de 35 quilômetros de Santarém, pela Rodovia PA-457, está Alter do Chão (foto). O bucolismo da vila onde está uma das praias mais famosas do Pará causa, de imediato, a sensação de bem-estar no visitante. FOTO: SIDNEY OLIVEIRA / AG. PARÁs no oeste paraense fica completo com a visita a um dos balneários mais importantes do Estado. A cerca de 35 quilômetros de Santarém, pela Rodovia PA-457, está Alter do Chão (foto). O bucolismo da vila onde está uma das praias mais famosas do Pará causa, de imediato, a sensação de bem-estar no visitante. FOTO: SIDNEY OLIVEIRA / AG. PARÁ Óbidos e Alter do Chão são o roteiro de férias da herança portuguesa que revela a identidade do povo amazônico. Santarém, hoje o polo da região, e Óbidos, berço dos grandes Inglês de Souza e José Veríssimo, são dois desses redutos, onde a herança portuguesa está presente nas ruas, nas edificações, nos costumes e na religiosidade. O roteiro de férias no oeste paraense fica completo com a visita a um dos balneários mais importantes do Estado. A cerca de 35 quilômetros de Santarém, pela Rodovia PA-457, está Alter do Chão. O bucolismo da vila onde está uma das praias mais famosas do Pará causa, de imediato, a sensação de bem-estar no visitante. E depois de conhecer a história da colonização portuguesa na Amazônia, é hora de procurar diversão nos balneários de Óbidos. Um deles fica perto da cidade, a cerca de apenas nove quilômetros, na Rodovia PA-254, zona rural. O Balneário Curuçambá é o mais conhecido e também o mais procurado por famílias.Os caminhos pela herança portuguesa no oeste do Pará continuam em Óbidos. Numa viagem que dura cerca de três horas, partindo de Santarém, em lancha ou catamarã, o visitante chega à cidade que é tida como irmã da Óbidos portuguesa – vila que fica a 95 km de Lisboa –, tamanhas são as semelhanças. Entre as edificações mais simbólicas está o antigo Quartel do Exército, na Praça Justo Chermont – que funcionou de 1909 a 1970 –, onde hoje fica a Casa de Cultura, sede de secretarias da prefeitura local. Outra opção é a Cachoeira Curumum, localizada em uma propriedade particular na comunidade homônima. Em uma viagem que dura cerca de 40 minutos em carro traçado, saindo do centro da cidade, chega-se ao local de águas cristalinas e queda d’água que enche os olhos. Outra opção de balneário em Santarém é a Praia de Ponta de Pedras, que pode ser acessada também pela PA-457, em um desvio de cerca de 11 quilômetros. Gostou? Então visite o Pará! (Clique na foto).
Fotos e fonte: SIDNEY OLIVEIRA / AG. PARÁ

Nenhum comentário :

Postar um comentário